O Arapaçu-de-cerrado Lepidocolaptes angustirostris é uma espécie de ave da Família Dendrocolaptidae. Pode ser encontrada na Argentina, Bolívia, Brasil, Paraguai, Suriname e Uruguai. Habita florestas secas tropicais ou subtropicais e savanas áridas.
Arapaçu-de-cerrado Foto: Afonso de Bragança
  • Nome popular: Arapaçu-de-cerrado
  • Nome inglês: Narrow-billed Woodcreeper
  • Nome científico: Lepidocolaptes angustirostris
  • Família: Dendrocolaptidae
  • Habitat: Podemos encontrá-lo nas savanas do Suriname, Uruguai, Argentina, Paraguai e Bolívia. No Brasil pode ser encontrado em quase todo o território com exceção da região Amazônica.
  • Alimentação: Encontra seu alimento com a ajuda do seu bico enquanto fuça nos troncos e galhos, em bromélias, em postes de madeira e em mourões de cerca. Come principalmente insetos, como formigas, besouros e lagartas de borboletas, além de aranhas, escorpiões, moscas, pererecas, girinos e lagartixas.
  • Reprodução: Nidifica em árvores velhas, usando em geral ocos abandonados por pica-paus. Reveste a cavidade com folhas e cascas de árvores, e aí põe em geral dois ovos. ESPÉCIE SEM DIMORFISMO SEXUAL
  • Estado de conservação: Pouco preocupante
Arapaçu-de-cerrado Foto: Afonso de Bragança
Características:

Tem cerca de 20 centímetros. É inconfundível pelo branco muito vivo da faixa supra-ocular e das partes inferiores.

São reconhecidas oito subespécies:
  • Lepidocolaptes angustirostris griseiceps (Mees, 1974);
  • Lepidocolaptes angustirostris coronatus (Lesson, 1830);
  • Lepidocolaptes angustirostris bahiae (Hellmayr, 1903);
  • Lepidocolaptes angustirostris bivittatus (M. H. K. Lichtenstein, 1822);
  • Lepidocolaptes angustirostris hellmayri (Naumburg, 1925);
  • Lepidocolaptes angustirostris certhiolus (Todd, 1913);
  • Lepidocolaptes angustirostris angustirostris (Vieillot, 1818);
  • Lepidocolaptes angustirostris praedatus (Cherrie, 1916).

[Fonte: Handbook of the Birds Of the World, 40]

Arapaçu-de-cerrado Foto: Afonso de Bragança
Comentários:

Vive no cerrado, na caatinga e em lugares abertos, com árvores esparsas. Tem o hábito de subir pelos troncos das árvores, agarrado pelos pés, enquanto enfia o bico em fendas e por baixo das cascas; chegando numa certa altura, voa para baixo e pousa na base de outra árvore, recomeçando a escalar. Vive sozinho ou em casais. Arborícola, movimenta-se com freqüência sob galhos horizontais. Do alto deixa-se cair, de asas e cauda abertas, para recomeçar a subida, ou dirige-se, da copa, em vôo rápido para árvore mais distante. Voa silenciosamente. Revela seu nervosismo sacudindo as asas, quando ameaçado esconde-se por detrás dos troncos com as asas entreabertas

Arapaçu-de-cerrado Foto: Afonso de Bragança
Referências & Bibliografia:
  • FRISCH, Johan Dalgas; FRISCH, Chistian Dalgas. Aves Brasileiras e Plantas que as Atraem 3ª edição. Ed. Dalgas Ecoltec - Ecologia Técnica Ltda.
  • SICK, H. Ornitologia Brasileira. Rio de Janeiro: Nova Fronteira. 1997.
  • Sigrist, Tomas Sigrist; Guia de Campo Avifauna Brasileira 1ª edição 2009 Avis Brasilis Editora.
  • Wikiaves - disponível em: https://www.wikiaves.com.br/wiki/arapacu-de-cerrado Acesso em 08 Setembro de 2014.
  • Wikipédia - disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Arapa%C3%A7u-de-cerrado Acesso em 14 de Outubro de 2014.